sábado, 8 de março de 2014

POR QUE A HOMEOPATIA É MAIS MEDICINA ESPIRITUAL DO QUE OUTRAS FORMAS DE TRATAMENTO




Sou especialista em pagar micos de dúvida e intolerância.

Grande crítico da Homeopatia e do Espiritismo.

Vivendo e aprendendo.

Na qualidade de profissional ficava desconcertado quando as mães diziam:
Nossa; essa criança estava derrubada e é só chegar aqui que melhora!
Confesso que isso me chateava muito.

Quando alguém se referia a ligação da Homeopatia com espiritismo eu ficava arreliado.
Nada a ver!
– É que os remédios eram fáceis de serem feitos e praticamente de graça; muito baratos - Homeopatia para mim era pura ciência e trabalhosa técnica; o resto era viagem na maionese.

Quando comecei a entender um pouco da ação espiritual na saúde das pessoas, através dos livros de André Luiz e do estudo da Doutrina Espírita; passei a compreender melhor e até a usar essa ajuda espiritual com bom grado e fazendo parcerias.

Mas, mesmo assim ficava desconcertado; quando os remédios que prescrevia numa Casa Espírita onde comecei minhas atividades nessa área: O Grupo de Estudos Espíritas Dr. Eduardo Monteiro em SBC; minha parte era prescrever algo em minutos a pessoas que passavam no tratamento espiritual – a ideia do nome do remédio vinha de sopetão e dava certo.
Ás vezes a contra gosto eu tinha que admitir que eu não resolvia tanto assim  problema do paciente em 1 h de consulta para prescrever um remédio para que o resultado fosse melhor.

Hoje eu sei que 1 h de consulta faz o serviço do Evangelho que a pessoa ouvia durante anos.

De forma resumida:
Aprendi a usar meu local de trabalho como templo e a desenvolver uma tremenda gratidão pelos parceiros espirituais. Tanto pelos guardiões da entrada quanto pelos que me intuem no que deve ser dito, no que deve ser feito; nos que fazem cirurgias e mudanças várias durante a estada dos pacientes.
Novas equipes sempre chegam e outras vão embora para outras tarefas e aprendizado.

Aprendi a negociar com as companhias espirituais dos meus pacientes para conseguir tréguas, de modo que os tratamentos apresentem resultados.

Assunto para muitos bate papo.

Mas vamos ao assunto de hoje:
A Homeopatia como recurso mais eficaz.

Pela sua forma energética de ação; o medicamento homeopático é muitos suscetível de receber mudanças energéticas na sua preparação.

A influência começa na relação médico/paciente e todos os espíritos desencarnados envolvidos na relação.

Quando há boa sintonia: confiança.

A equipe do consultório mais a equipe de ajuda ao paciente se encaminham á farmácia e com a concordância dos cuidadores da equipe de encarnados que manipulam os medicamentos: a ficha Cármica do paciente é analisada; e então; mesmo que o medicamento não tenha sido tão bem escolhido (por descuido ou falta de competência do médico) as mudanças necessárias são processadas e o resultado surge de forma mais evidente a permitir a continuidade do tratamento com bons resultados.

Interessante sempre que haja sintonia: confiança entre paciente e profissional.

Escolha bem sua farmácia.

Ajuda muito que o medicamento seja preparado em locais onde as pessoas sejam não religiosas em si; mas espiritualizadas; ou seja: que gostem muito do que fazem – para que os resultados sejam diferenciados.

Prepare-se sempre bem para receber o medicamento (isso vale até para outras formas de tratamento) com gratidão.

Resumindo:
Pelo fato de a Homeopatia apresentar sua ação em 4D (energia ais sutil) a ação da espiritualidade se faz mais intensa e interessante.

Qualquer dia destes, eu explico a forma dos pacientes buscarem o consultório; é muito interessante.
Por que as fichas de papel são importantes para propiciar uma ligação de sintonia energética?

Interessante saber que seu cuidador espiritual pode participar de forma mais ativa na sua vida e saúde...

Quando o tratamento não resulta no esperado: muitas vezes a falha é do profissional; em todos os sentidos possíveis...

Vivendo e aprendendo...

Namastê.

3 comentários:

Marli Lunaro disse...

Dr. obrigada mais uma vez. Sou prova disso tudo quando levava as crianças no seu consultório. Não havia doença que o sr. não curasse. gratidão p/ sempre.
Marli L. Battistin

Luz13 disse...

Olá! Gostei do blog. Veja as previsões de Aline, da Cidade das Pirâmides, para o ano de 2014. https://www.youtube.com/watch?v=6v_iFO6_dyc Abraços

Unknown disse...

De fato. A confiança entre médico e paciente propicia a fé na cura, onde a gratidão brota espontaneamente.
Reitero o que havia dito no retorno da consulta; "foi a primeira vez que completei um tratamento, onde na primeira semana o resultado já era notório!" Obrigada Dr. Américo!

Livros Publicados

Livros Publicados
Não ensine a criança a adoecer

Pequenos descuidos, grandes problemas

Pequenos descuidos, grandes problemas

Quem ama cuida

Quem ama cuida

Chegando à casa espírita

Chegando à casa espírita

Saúde ou doença, a escolha é sua

Saúde ou doença, a escolha é sua

A reforma íntima começa no berço

A reforma íntima começa no berço

Educar para um mundo novo

Educar para um mundo novo